Notícia

Mulher e Direitos Humanos

Secretaria da Mulher e dos Direitos Humanos do Estado de Alagoas
Segunda, 22 Janeiro 2018 11:30
PARCERIA

Semudh e Sete assinam termo de cooperação técnica ‘Por Todas Elas’

Parceria visa à quebra do ciclo da violência contra a mulher, por meio da independência financeira

Cooperação entre a Semudh e a Sete desenvolverá meios que possibilitem o cadastro de mulheres vítimas de violência Cooperação entre a Semudh e a Sete desenvolverá meios que possibilitem o cadastro de mulheres vítimas de violência Fotos: Ascom/Semudh
Texto de Tácila Clímaco

As secretarias de Estado da Mulher e dos Direitos Humanos (Semudh) e do Trabalho e Emprego (Sete) assinaram, nesta segunda-feira (22), o termo de cooperação técnica Por Todas Elas. Solenidade foi realizada na Central da Mulher e dos Direitos Humanos, no bairro da Jatiúca.

 

A cooperação entre a Semudh e a Sete desenvolverá meios que possibilitem o cadastro de mulheres vítimas de violência, que tenham o interesse de participar de seleções de emprego, capacitações, oficinas de orientação e seleções promovidas pelo Sistema Nacional de Emprego (Sine/AL).

(Fotos: Ascom/Semudh)

Para a secretária da Mulher e dos Direitos Humanos, Claudia Simões, a assinatura do termo é muito importante na quebra do ciclo da violência contra a mulher. “Essa parceria possibilitará às mulheres, meios de enfrentamento a esse tipo de violência, e a independência financeira é um deles. Ser inserida ou recolocada no mercado de trabalho é fundamental para que a mulher vítima de violência consiga romper com o ciclo”, destacou a secretária.

 

De acordo com o secretário do Trabalho e Emprego, Arthur Albuquerque, as ações desenvolvidas pelas duas secretarias oportunizarão as mulheres em situação de vulnerabilidade. “É um trabalho em conjunto. Queremos atender às necessidades específicas dessas mulheres e facilitar seu acesso ao mercado de trabalho, beneficiando-as desde a emissão de carteiras de trabalho à participação em programas de empreendedorismo”, enfatizou.

(Fotos: Ascom/Semudh)

Realizar ações que divulguem a Lei Maria da Penha e outros mecanismos de combate à violência contra a mulher, e desenvolver, em conjunto, um projeto para criação do “Selo Igualdade de Gênero no Ambiente de Trabalho”, que será destinado à empresas alagoanas também são propósitos do termo.